Dr Wilson Novaes

Preenchimento

Preenchimento com ácido hialurônico

A utilização de materiais de preenchimento pode oferecer bons resultados em pacientes com sinais iniciais de envelhecimento, naqueles que não desejam a cirurgia e como complementação após o tratamento cirúrgico. Basicamente, recomendamos a utilização desta técnica em pacientes portadores de rugas em repouso - aquelas presentes sem a contração dos músculos faciais. As regiões mais comuns são o sulco entre a boca e as bochechas, a região entre as sobrancelhas e as rugas finas ao redor dos lábios. Vale lembrar que as rugas de expressão, causadas pela contração dos músculos subjacentes, devem ser tratadas através da paralisação destes músculos com toxina botulínica. Devido ao baixo índice de complicações, recomendamos o emprego de substâncias absorvíveis como o ácido hialurônico. Os efeitos do tratamento duram aproximadamente 6-8 meses e podem ser repetidos após este período.

No mundo todo

O preenchimento com ácido hialurônico é o segundo procedimento estético mais realizado nos Estados Unidos, logo atrás da aplicação do Complexo de Neurotoxina. Esse sucesso deve-se, principalmente, à segurança, eficácia e à naturalidade que o procedimento proporciona.

Qual a diferença entre a Toxina Botulínica e o preenchimento com Ácido Hialurônico?

Muita gente confunde esses dois procedimentos, só porque ambos utilizam seringas em sua aplicação. Na verdade, eles não são nada parecidos - têm indicações diferentes - mas podem ser complementares.

Os procedimentos com produtos que relaxam os músculos faciais não são capazes de conferir volume. O ácido hialurônico é.

A Toxina Botulínica atua relaxando os músculos onde é injetada e, portanto, é indicada para o tratamento das rugas de expressão, que se formam quando rimos, choramos ou estamos bravos. Já o preenchimento com ácido hialurônico é indicado para o tratamento de rugas mais profundas, causadas pela ação do tempo, aquelas visíveis mesmo com o rosto em repouso, caso do famoso “bigode chinês”. Esta substância é injetada diretamente na pele, preenchendo a rugas, os vincos ou mesmo preenchendo áreas com perda de volume.

Os dois tratamentos podem ser complementares. De acordo com as últimas tendências mundiais, é cada vez mais comum a associação do preenchimento, que trata as rugas profundas e reposição de volume, com a Toxina Botulínica, que relaxa os músculos e atenua as rugas de expressão.